David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

Há sempre motivos mais nobres para não comer carne do que para comê-la

without comments

Arte: Dana Ellyn

Há sempre motivos mais nobres para não comer carne do que para comê-la, e, na minha opinião, isso por si só já é mais que suficiente. Quem come carne, e não abre mão, diz que é importante fonte de proteína, que é gostosa e que faz bem. Ou seja, são argumentos que, independente da veracidade, se voltam mais para a individualidade.

Já os argumentos para não comer carne são: não temos o direito de matar para beneficiar o nosso paladar e não precisamos de carne para sobreviver. A simples e maior prova disso é a existência de vegetarianos e veganos. Além disso, há muitas pesquisas que apontam que a produção de alimentos de origem animal não é sustentável.

Sugestões de leitura:

https://www.theguardian.com/sustainable-business/2017/jan/03/challenges-sustainable-food-2017-organic-farming

Why Organic Meat, Dairy and Eggs Are Not Sustainable

Agriculture And Food Systems Unsustainable

https://woods.stanford.edu/environmental-venture-projects/consequences-increased-global-meat-consumption-global-environment

 

 

 





Written by David Arioch

February 8th, 2017 at 10:09 am

Leave a Reply

%d bloggers like this: