David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

Quando se fala em amor…

leave a comment »

Arte: Leonid Afremov

Quando se fala em amor, naturalmente as pessoas o associam a ideia do amor longevo, ignorando que amores curtos podem ser tão ou até mais marcantes. Há amores curtos que deixam marcas indeléveis, que naturalmente já não existem enquanto relação, mas que podem sobreviver como tatuagem no coração.





Written by David Arioch

May 16, 2017 at 3:44 am

Posted in Reflexões

Tagged with , ,

Leave a Reply

%d bloggers like this: