David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

O veto de Geraldo Alckmin ao projeto que garantiria o fim do uso de animais vivos em instituições de ensino

without comments

Uso de animais no ensino é totalmente desnecessário hoje em dia

Projeto de autoria do deputado estadual Feliciano Filho (PSC), disponível em https://www.al.sp.gov.br/propositura/?id=1110256, que garantiria o fim do uso de animais vivos em escolas e universidades de São Paulo, foi vetado ontem por Geraldo Alckmin. Em publicação no Diário Oficial, o governador simplesmente alegou que o tema não é de competência do Estado de São Paulo, já que é tratado e regulamentado em âmbito federal, por meio do Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (Concea).

Mesmo apresentando argumentos consistentes e óbvios de que é possível qualificar bons profissionais e realizar experiências sem o uso de animais, seguindo o exemplo de instituições de ensino dos Estados Unidos, Canadá, Alemanha e Inglaterra, o projeto foi desconsiderado por Alckmin, que parece ignorar o fato de que estamos em 2017 e há inúmeras alternativas sem o uso de animais vivos. As mais comuns são o uso de manequins e cadáveres. Ou seja, ele poderia ter demonstrado mais boa vontade em discutir e entender melhor o projeto que envolve o destino de muitos animais de várias espécies.

É importante ter a compreensão de que os animais não estão disponíveis para serem condicionados aos nossos interesses, de acordo com a perspectiva dos direitos animais. Na literatura científica, há bons exemplos do quanto isso é desnecessário e anacrônico hoje em dia. Em síntese, representa uma falta de visão em direção ao futuro, já que há tantas iniciativas voltadas para garantir, de fato, o verdadeiro bem-estar animal. E claro, talvez haja algum tipo de lobby nesse meio também.

Em março de 2016, uma matéria publicada pela USP, já mostrou o quanto tais práticas são desnecessárias. Infelizmente, ainda assim, o governador Geraldo Alckmin diz em julho de 2017 que é necessário o uso de animais vivos em escolas e universidades. Esses políticos agem de má-fé ou desconhecem a realidade, ou os dois.

Novos métodos substituem o uso de animais vivos nas aulas de veterinária

 

Contribuição

Este é um blog independente, caso queira contribuir com o meu trabalho, você pode fazer uma doação clicando no botão doar:





Written by David Arioch

July 27th, 2017 at 1:19 pm

Leave a Reply

%d bloggers like this: