David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

A deslealdade vergonhosa de Ricardo Salles sobre Chico Mendes

without comments

Em entrevista ao Roda Viva, o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles deu a entender que quando se fala do Chico Mendes é preciso ouvir os dois lados – o dos ambientalistas e também o dos agropecuaristas em relação à Amazônia. E que segundo ele, Chico Mendes não é o que dizem ser. Chico Mendes morreu milionário ou bilionário atuando como ambientalista? Não. Já escrevi sobre isso em um artigo há algum tempo. Quem será que tem mais interesses escusos e nocivos em relação ao meio ambiente? Pra mim, é uma questão bem lógica.

Não conheço nenhum ambientalista que tenha feito o estrago daqueles que lucram com a degradação ambiental. E que credibilidade tem tais observações vindo de alguém que já foi condenado ao fraudar o processo do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental da Várzea do Rio Tietê? Simplesmente não consigo não ver o Ricardo Salles como um oportunista tentando confundir a população. O sujeito diz isso no Brasil, um dos países que mais mata ambientalistas.

Veja a história da freira Dorothy Stang, do José Cláudio Ribeiro da Silva e da Maria do Espírito Santo. O retrato mais comum é de pessoas simples morrendo por um ideal. Querer comparar quem lucra milhões ou até bilhões de reais com a exploração do meio ambiente com o ideal de um ambientalista, ainda que cometesse equívocos ou tivesse má conduta em alguns momentos, é de uma deslealdade vergonhosa.

Written by David Arioch

February 13th, 2019 at 1:34 am

%d bloggers like this: