David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

Heaven Shall Burn: “Comer carne significaria que não estou muito preocupado com o mundo”

without comments

heavenshallburn

“Veganismo é muito mais importante para nós” (Foto: Heaven Shall Burn)

Em junho de 2010, o guitarrista Maik Weichert concedeu uma entrevista a Axl Rosenberg do portal Metal Sucks, falando sobre a filosofia da banda alemã Heaven Shall Burn, que faz uma fusão de metalcore com death metal melódico.

“Alguns de nós são straight edge, mas sempre temos um cara festeiro na banda, então straight edge não é uma filosofia da banda. Veganismo é muito mais importante para nós. Comer carne significaria que não estou muito preocupado com o mundo”, afirmou Weichert, em referência à exploração animal e ao impacto ambiental do consumo de carne.

A conscientização de Maik se sustenta no fato de que diariamente a população humana, que chegou a sete bilhões em 2011, consome 20 bilhões de litros de água e 9,5 bilhões de quilos de comida. Enquanto isso, 1,5 bilhão de bovinos, de um total de 70 bilhões de animais criados no mundo todo, consomem 170 bilhões de litros de água e 61 bilhões de quilos de comida.

Em abril de 2015, quem falou em nome do Heaven Shall Burn foi o ex-baterista e porta-voz da banda, Matthias Voigt, em entrevista ao portal Metal Made Fitness. Voight relatou que o HSB sempre foi formado por veganos e vegetarianos.

“Em algum ponto, todos os membros do HSB se tornaram veganos, mas não começamos dessa forma. Foi um processo. No começo, eu estava curioso se conseguiria sobreviver como vegetariano [risos]. Era 1994, e as pessoas diziam que eu morreria dentro de dois meses. Só depois percebi que eu também não queria dar suporte a essa indústria”, revelou.

Para Matthias, hoje em dia é mais fácil ser vegetariano ou vegano, já que as pessoas têm acesso a muitos informações sobre o impacto que as indústrias da carne e de laticínios causam ao meio ambiente. “Claro que li panfletos e artigos sobre direitos animais, mas atualmente faço isso só porque preciso dar respostas quando as pessoas fazem perguntas. Nunca precisei disso para mim mesmo. Simplesmente cortei os produtos de origem animal e nunca mais olhei para trás”, enfatizou.

Uma das músicas mais emblemáticas do Heaven Shall Burn que aborda os direitos animais é “Hunters will be hunted”, do álbum “Veto”, de 2013. Em uma parte da música, o vocalista Marcus Bischoff grita: Você não fará nenhuma criatura sangrar, nunca mais, para todo o sempre/Sem recuar, direto, ações atingem você/Sem compromisso, sem ceder/Defendendo aqueles que não podem lutar/A justiça deve prevalecer.”

Saiba Mais

A banda Heaven Shall Burn foi fundada em Saalfeld, na Alemanha, em 1996.

Além dos direitos animais, suas letras também abordam questões como racismo e injustiças sociais.

A cultura straight edge defende a abstinência em relação às drogas lícitas e ilícitas, como tabaco, álcool e narcóticos.

Referências

Metal Made Musicians: German Metal Giants Heaven Shall Burn

http://www.metalsucks.net/2010/06/02/exclusive-interview-with-heaven-shall-burns-maik-weichert/

Como a pecuária contribui com o aquecimento global

Contribuição

Este é um blog independente, caso queira contribuir com o meu trabalho, você pode fazer uma doação clicando no botão doar:





Leave a Reply

%d bloggers like this: