David Arioch – Jornalismo Cultural

Jornalismo Cultural

Sobre a realidade comum da indústria de laticínios

without comments

Bezerro sendo empurrado para dentro de uma gaiola (Foto: Reprodução)

Imagine carregar um bebê no ventre por nove meses, sentindo que existe outra vida dentro de você, e assim que ele nascer, ser retirado de você. Esse tipo de privação é a realidade comum da indústria de laticínios. Imagine o nível de estresse de uma vaca em uma situação dessa. Para mim, é impossível consumir qualquer laticínio tendo isso em mente.

Além disso, para aumentar a produtividade de leite, o que não leva em conta o bem-estar animal, há produtores que investem em um sistema de criação de bezerros em gaiolas. Depois que nascem, os bezerros mamam somente uma vez. Então são confinados em gaiolas por alguns meses, até serem enviados para os matadouros, onde são reduzidos à carne de vitela.





Written by David Arioch

April 27th, 2017 at 12:43 am

Leave a Reply

%d bloggers like this: